Despedida

irmãs e irmãos dessa família querida
perdoem a covardia passada
mas não me agrada a despedida

uso esta mal traçada poesia para agradecer:
a cada dia e com cada um, pelo que eu pude aprender
a ciência é complexa, simples é a sabedoria
que nos pequenos gestos – e nos mais modestos ! – se refletia

aprendi,
na dificuldade, como errar
e com humildade, a me levantar
aprendi,
a combater em meu peito o pequeno preconceito
valores degenerados, porém predominantes nessa sociedade
nessa grande família que também briga – a humanidade

sei que muito não posso ensinar
mas posso dizer, se querem escutar:
mais humildade rapazes,
(como costuma dizer um amigo da arte:
humildade não é pobreza, mas nobreza de caráter)
muitos carinhos às moças
e às jovens senhoras…
mais atenção aos mais novos,
se fizermos com que entendam, logo estarão nos superando
e, com o passar do tempo, de todos cuidando:
da nossa cada, do nosso jardim
e, derrubadas as cercas, do mundo, enfim!

ps: já devem saber que já vou voltar
para lhes ver… quem sabe ficar

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: